Acimacar
quarta-feira, 15 de março de 2017
Duplicação da BR-163 não será paralisada

Boas notícias chegam da reunião em Brasília ontem (14), para discutir a continuidade das obras da duplicação da BR-163 – que liga Marechal a Toledo.


Os presidentes das Associações Comerciais de Marechal Cândido Rondon (Acimacar), Paulo Rodrigo Coppetti, Flávio Furlan de Toledo (Acit) e Alci Lucio Rotta Junior de Cascavel (Acic), o presidente da Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Oeste do Paraná (Caciopar), Leoveraldo Curtarelli, junto dos deputados estaduais José Carlos Schiavinato, Ademir Bier e Elio Rusch, deputados federais da bancada paranaense, prefeitos de Marechal Rondon, Quatro Pontes e Toledo, vereadores destas localidades e empresários da região participaram da audiência com o Ministro dos Transportes, Maurício Quintella Lessa, que garantiu que a obra não deve parar.
“Foi um encontro produtivo em que tivemos êxito em nosso objetivo, a não paralisação da duplicação, muito importante para nossa região. A união e apoio da classe empresarial, da Caciopar, e das lideranças públicas foram fundamentais para a sensibilização do ministro que se comprometeu em buscar os recursos, assim como os deputados, visando à conclusão da obra no prazo estipulado”, afirma o presidente da Acimacar, Paulo Rodrigo Coppetti.
A continuidade depende de R$ 60 milhões para 2017, já acordados. O superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) no Paraná, José da Silva Tiago, conseguiu viabilizar R$ 19 milhões. Da reunião de Brasília, saiu a decisão de buscar outros R$ 36 milhões do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) para a obra.
Assim que realizado o repasse dos recursos à empresa licitada, as obras serão retomadas. “Mais uma vez provamos que unindo forças e lideranças, conseguimos conquistar nossos objetivos e promover o desenvolvimento da nossa região”, diz Coppetti.
A BR-163 possui 3,2 mil quilômetros e é a principal conexão entre estados do Sul, Centro-Oeste e Norte do Brasil, responsável por transportar riquezas em trechos no oeste, sendo que 38,2 quilômetros são correspondentes ao trecho Marechal – Toledo. Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o fluxo de veículos no trecho é de 9.800 em média por dia, sendo destes 80% correspondente a veículos pesados e de carga.

Fonte: Da Assessoria Acimacar/com informações da Caciopar
 
 

CACIOPAR

 
Rua Pernambuco, 1800, 1° andar - Centro
85810-021 - Cascavel - PR
 
(45) 3321-1449
 
 

SISTEMA ASSOCIATIVISTA

 
2016 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Grupo Mar Virtual